OSB APA Plus

Ideal para contraventamento e fechamento externo e interno de paredes, coberturas, mezaninos, lajes secas, plataforma de pisos e forros.

O LP OSB APA Plus é a melhor placa estrutural do mundo para construção CES. Produzido com alta tecnologia, possui garantia estrutural de 20 anos e proteção anticupim também garantida por 20 anos. É ideal para contraventamento de paredes, lajes e coberturas. O LP OSB Home é tão prático e resistente que nas paredes em CES dispensa o uso de fitas e barras de contraventamento. Além disso, serve de reforço para paredes de Drywall, permitindo a fixação de cargas suspensas em qualquer ponto da parede.

O que é OSB?

O OSB é uma placa estrutural de alta resistência físico-mecânica que contraventa a estrutura de paredes, lajes e telhados no Sistema CES, Construção Energitérmica Sustentável. As placas LP OSB são produzidas com a mais alta tecnologia e são permanentemente controladas e testadas, seguindo as mais rigorosas normas internacionais de produção, padrão e qualidade. Além disso, o OSB é um produto ecologicamente correto. A LP acredita no manejo sustentável das florestas, por isso, toda sua matéria-prima é proveniente de florestas renováveis.

VANTAGENS

  • Segurança: Garantia estrutural e anticupim de 20 anos
  • Conforto térmico e acústico: devido à baixa condutibilidade térmica do OSB.
  • Racionalização de materiais e mão-de-obra: Contraventa a estrutura, dispensando o uso de fitas e barras, tornando a estrutura mais econômica e simples.
  • Praticidade: rápida instalação.
  • Resistência: suporta impactos e umidade.
  • Versatilidade: aceita diversos tipos de acabamentos.
  • Sustentabilidade: Produto ecologicamente correto.

APLICAÇÕES

  • Contraventamento e Fechamento
  • Cobertura
  • Reforço de Drywall
  • Laje seca
  • Decoração

DIMENSÕES

Espessura (mm) Dimensão (mm) Peso por placa (kg) Aplicação
9,5 1,20 x 2,40 17,5 Paredes e telhados com perfis espaçados, a no máximo, 40 cm
9,5 1,20 x 3,00 21,9 Paredes e telhados com perfis espaçados, a no máximo, 40 cm
11,1 1,20 x 2,40 20,4 Paredes e telhados com perfis espaçados, a no máximo, 60 cm
11,1 1,20 x 3,00 25,6 Paredes e telhados com perfis espaçados, a no máximo, 60 cm
15,1 1,20 x 2,40 27,8 Paredes com perfis espaçados, a no máximo, 60 cm. Telhados espaçados a, no máximo, 80 cm. Pisos e lajes secas com perfis espaçados, a no máximo, 40 cm.
18,3* 1,20 x 2,40 33,7 Pisos e lajes secas com perfis espaçados, a no máximo, 60 cm. *Possui a opção de bordas com encaixe macho-fêmea para aplicação em lajes secas e mezaninos

O LP OSB APA Plus deve ser armazenado em áreas limpas, planas e secas, isolados do piso com apoios espaçados a no máximo 80 cm e preferencialmente,em locais cobertos.

No caso do armazenamento ocorrer ao ar livre, recomenda-se cobrir as peças com lona plástica. Tome o cuidado de posicionar o plástico sem encostá-lo nas lateraisdas placas, permitindo assim a circulação de ar entre elas. Medidas de maior proteção devem ser tomadas no caso de períodos prolongados de exposição ao tempo. O empilhamento dos pallets de LP OSB deve ser de no máximo 4 pallets de altura. É importante tomar todas as precauções necessárias no transporte e no manuseio das placas de OSB para evitar que as bordas sejam lascadas ou danificadas.

A estabilização é o processo pelo qual igualamos o conteúdo de umidade da placa com a umidade de equilíbrio no local onde será utilizada a placa de LP OSB. A umidade de equilíbrio da madeira no
Brasil pode variar entre 12% e 25% conforme umidade relativa da região. Assim, na maioria das vezes, existe a necessidade de incorporar umidade ao revestimento.

Com o objetivo de realizar a correta estabilização das placas de LP OSB, recomendase usar um higrômetro de superfície para comparar a umidade de equilíbrio da madeira na região a ser aplicado o revestimento e o conteúdo de umidade das placas.

Uma forma rápida e correta de reconhecer a umidade de equilíbrio é medir o conteúdo de umidade dos elementos de outras madeiras localizados próximos ao local de aplicação. Com essa informação e com os dados, de umidade do painel a ser utilizado, é possível determinar se é necessário umedecer as placas ou secálas. Se o conteúdo de umidade das placas estiver abaixo da umidade de equilíbrio do ambiente de utilização, devemos incorporar umidade. Para isso, recomenda-se molhar individualmente as placas, de maneira homogênea, com 1 a 3 litros de água, e deixá–las repousar sobre os pallets por um período de 2 a 4 dias. Após esse período, deve-se comparar, com o auxílio de um higrômetro, a umidade do painel com a de equilíbrio do ambiente. Se esse procedimento não for suficiente, recomenda-se repeti-lo até que se obtenha o equilíbrio.

Quando a umidade das placas é maior que a umidade de equilíbrio do ambiente de utilização, devemos baixá-la por meio da climatização das placas. Para tanto, recomenda-se abrir o pallet, distribuindo as placas de modo a possibilitar a ventilação individual, permitindo a perda ou ganho de umidade de acordo aos índices do ambiente.

Esse procedimento deve ser executado de 4 a 5 dias antes da instalação. Para estar certo de que as placas foram corretamente climatizados, recomendamos que seja feita a medição com higrômetro de superfície após o procedimento de climatização. Se o procedimento não for suficiente, recomendase repetilo até que se obtenha oequilíbrio.

As paredes executadas com LP OSB são leves, simples e rápidas de serem montadas. Dispensam o uso de fitas e barras de resistência a esforços de ventos e abalos sísmicos, pois as placas reduzem o comprimento de flambagem dos montantes para 30 cm.

1. Com o esqueleto estrutural montado, verifique se o alinhamento e o prumo das paredes estão corretos.

2. Os painéis devem ser fixados diretamente sobre a estrutura, posicionados preferencialmente na vertical, sendo também possível posicioná-los na horizontal.

3. Sempre que as placas forem cortadas, deve-se selar as bordas com tinta à base de solvente, para evitar a absorção de umidade.

4. Inicie a colocação dos painéis por uma das extremidades da parede, mantendo sempre um espaçamento de 15 cm, entre a borda inferior da placa e o piso externo. Entre o desnível de contrapiso e o LP OSB APA Plus, deve-se colocar uma barreira de umidade (pingadeira metálica).

5. Deve-se observar sempre a paginação dos painéis com juntas desencontradas para melhor travamento, prevendo um espaçamento mínimo de 3 mm com dilatação em todo o perímetro da placa. Evite que as juntas entre painéis coincidam com quinas de aberturas e cantos.

6. Fixação:

a. Sobre estrutura de madeira: utilize parafusos ou pregos anelados de 2” para placas LP OSB APA Plus até 11,1 mm e de 2 1⁄2” para painéis com maiores espessuras. Recomenda- se que os pregos tenham comprimento de 3 a 4 vezes a espessura da placa a ser fixada.

b. Sobre estrutura metálica: utilize parafusos galvanizados autobrocantes, cabeçatrombeta de 8 x 1 1⁄4”.

c. Posicionamento das fixações: manter um distância de 1 cm entre cada borda do painel e a linha de fixação. Os pregos / parafusos devem ser fixados a cada 15 cm no perímetro do painel e a cada 30 cm nos
apoios intermediários.

7. A união entre duas placas adjacentes deve efetuar-se sobre a mesa de um montante, onde cada placa compartilha metade dessa mesa. Os parafusos devem estar defasados entre uma placa e outra de modo que não perfurem a mesa do perfil em dois pontos da mesma altura.

8. Para aumentar a rigidez do sistema o encontro dos montantes não deve coincidir com o encontro das placas.

9. No encontro de dois painéis que formam um canto, as placas devem ser colocadas de forma que uma delas seja sobreposta sobre o outro painel, como sugere a figura, aumentando a rigidez do conjunto.

10. Logo após a fixação dos painéis, devese aplicar uma barreira contra umidade e vento (LP Membrana Barreira de Água).

11. Deve-se envelopar a base do LP OSB APA Plus com a LP Membrana de modo que fique cerca de 40 cm da face interna do painel protegida e toda a borda inferior envelopada.

12. Deve-se iniciar a instalação a partir de um dos cantos da edificação, tendo o cuidado de deixar cerca de 15 cm de membrana sobressalente para ser utilizada como sobreposição ao final do perímetro
da casa.

13. Segure firmemente o rolo, o mais vertical possível, para evitar rugas durante a aplicação e desenrole envolvendo toda a casa, inclusive fechando as aberturas de portas e janelas.

14. Fixar com grampos galvanizados,quando sobre o LP OSB APA Plus, ou com parafusos, quando sobre os perfis metálicos, espaçados a cada 40 cm. Nas junções verticais e horizontais das lâminas de LP Membrana, deve-se prever uma sobreposição mínima de 15 cm entre folhas.

15. Após o término do “envelopamento” da edificação, corte em X, de vértice a vértice, a abertura de portas e janelas, com o auxílio de um estilete. Dobre para o interior da edificação as quatro abas formadas. Caso
esteja utilizando placas de LP OSB APA Plus internamente como reforço, de drywall, deve-se dobrar essas abas, sobrepondo o LP OSB APA Plus.

16. As abas devem ficar bem esticadas e ser fixadas internamente com grampo ou parafusos a cada 15 cm.

17. Após a instalação da membrana recomenda-se vedar todas as aberturas de esquadrias com a uma fita adesiva asfáltica impermeável. Esta fita deve ser aplicada na abertura de maneira uniforme, como uma peça única em todo o contorno da abertura, evitando emendas e recorte, para garantir a estanqueidade total da
abertura. Inicie a aplicação da fita por um dos vértices superiores da abertura, no caso de janelas, ou pelo rodapé inferior no caso de portas.

18. A Fita adesiva asfáltica impermeável, deve ser aplicada na parte interna da abertura de tal maneira que fiquem abas de no mínimo 10cm, tanto no lado interno como externo da parede, que posteriormente serão dobradas e coladas na face do parede.

19. Nos cantos formados pelas abas externas devem ser colocadas tiras de reforço de 15cm x 30cm num ângulo de 45°. Nos cantos superiores estas tiras devem ser fixadas sobre as abas e nos cantos inferiores sob as abas.

20. Sobre a membrana, deve-se aplicar o revestimento. O Sistema CES possibilita a utilização de diversos tipos de revestimentos como LP SmartSide LAP, LP Siding Vinílico, siding de madeira ou cimentício, revestimentos argamassados, pedras, revestimentos cerâmicos e porcelanatos. Para a instalação dos LP SmartSide LAP e LP Siding Vinílico, consulte os catálogos técnicos dos produtos.

LP OSB APA Plus…